Tapetes: como escolher o melhor para sua casa? – Parte 2

sexta-feira, janeiro 09, 2015 - Isabela
Nenhum Comentário
Tapete ideal

Neste post, falamos sobre como conciliar cores, formatos e medidas dos tapetes com a sua casa.  Mas tem tanta coisa bacana que vale a pena saber sobre os tapetes que não deu para contar tudo em um post só. Por isso, conforme prometido, aí vão mais dicas legais para você aprender e colocar em prática na hora de escolher como e onde você vai usar este item tão charmoso na sua casa. Vamos lá?

Ambientes

Para cada cômodo, há um tipo de tapete adequado e uma forma ideal para se usar.

  • Sala de Jantar: ali, o tapete deve ser grande o bastante para que caibam a mesa e as cadeiras, seja quando todos estiverem sentados ou no momento que as cadeiras forem puxadas para fora, caso alguém se levante ou sente. Recomenda-se um espaço de 80cm entre a ponta da mesa e o tapete. Aparadores, buffets e os demais móveis da sala devem ficar no chão, não no tapete.tapete-sala-de-jantar
  • Quarto: tapetes no quarto aumentam a sensação de conforto e melhoram a acústica, abafando ruídos. O tamanho do tapete indicado vai depender do espaço disponível. Existe a opção de colocar passadeiras em volta da cama, bem como a opção de colocar só de um lado, caso a cama seja de solteiro. Outra sugestão é posicionar um tapete grande, que envolve a cama inteira e ainda conserva um espaço de tapete para a pessoa pisar ao sair da cama e não sentir o chão frio.

    Tapete quarto de casal

    Via dearlillieblog.blogspot.com

  • Sala de Estar: neste cômodo, o posicionamento do tapete vai depender de quem está decorando.Quanto maior o tapete, mais ele vai integrar os elementos do ambiente. O aconselhável é que o tapete entre debaixo dos móveis.

    Tapete Sala de Estar

    Via apartmenttherapy.com

  • Cozinha: para a cozinha ganhar um melhor acabamento, a sugestão é posicionar o tapete sempre próximo à pia.

    Tapete para Cozinha

    Via abeautifulmess.com

  • Ambientes externos: assim como os tapetes para sala, os tapetes de ambientes externos devem ser usados de acordo com a decoração. Muitas vezes, usamos para mesas de jantar externas, onde vale a mesma regra da Sala de Jantar. Para salas de estar externas, considere a também a mesma regra da Sala de Estar.

    Tapete para área externa

    Via amazinginteriordesign.com

Altura do pelo

Não existe uma regra para decidir a altura do pêlo que o tapete deve ter, mas há que se atentar para a finalidade para fazer uma boa escolha. Por exemplo: um tapete de pêlo alto e macio é a escolha perfeita para um ambiente de descanso, como quarto e sala de TV. Ali, é muito provável que a pessoa ande descalça e sente-se no chão.

Se o tapete é para a mesa de jantar, é interessante que tenha um pêlo mais baixo ou que seja de algum material mais sólido. Desse modo, fica mais fácil de limpar caso alguma bebida ou alimento caia da mesa. O mesmo acontece com pessoas que têm animais em casa: nesses casos, opte por um tapete de pêlo baixo ou de materiais de fácil limpeza.

Outra dica de ouro: se o ambiente em que o tapete será colocado vai receber um sofá retrátil, um tapete de pêlo alto não é a melhor pedida, pois o sofá poderá acabar enroscando e ficar preso no tapete.

Conservação

Para evitar o acúmulo de ácaros, passe o aspirador uma vez por semana, intensificando o uso em ambientes com maior tráfego. Rotacione seu tapete a cada 3 meses, para assegurar o desgaste homogêneo das fibras e evitar que um lado fique mais desbotado que o outro. Porém, não esqueça de seguir sempre as instruções de limpeza informadas na etiqueta do produto! Após a limpeza, ao retornar ao ambiente, certifique-se de que o tapete esteja totalmente seco para evitar odor ou a formação de mofo.

Um ponto importante: o uso de um capacho na entrada de casa tem um papel importante para manter o tapete limpo por mais tempo. Até 90% da sujeira e umidade das solas dos calçados são retidas na entrada de casa, reduzindo a frequência e intensidade de limpeza de ambientes.

Materiais

Os materiais com que são feitos os tapetes também podem fazer muita diferença de acordo com o uso que você fará deles. Conheça os tipos mais comuns e suas características:

  • Poliéster: é o de toque mais suave e brilho mais intenso.
  • Polipropileno: repele água e é mais difícil de manchar. Feito com uma fibra forte e resistente a climas mais extremos, ele é a escolha ideal para ambientes mais movimentados e que sujem mais.
  • PVC: a superfície é formada por resina plástica, com texturas que conferem alta resistência e facilidade de manutenção.
  • Viscose: uma fibra nobre e extraída de madeiras de árvores. Resiste bem ao calor, com um toque suave e macio. Transmite agradável sensação de suavidade e frescor.

Agora que você já está por dentro do universo dos tapetes, que tal dar uma passada no site da Toque a Campainha e escolher o seu? Tem um monte de opções perfeitas para sua casa.

Beijos e até a próxima!

 

(O conteúdo deste post foi elaborado em parceria com a Via Star Tapetes)

Deixe seu toque!

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

sobre a gente

Toques da Toque é o blog sobre casa e decoração da Toque a Campainha. Aqui, você vai ver soluções e dicas para valorizar o seu lar, e também muita coisa bonita para se inspirar. Entre e fique à vontade: criamos esse cantinho só para ficar mais perto de você!

quem curte a gente
blogs amigos S2
Blog da Lopes
Bula da arquitetura
Muita Calma Nessa Obra
simples decoracao